União da Ilha leva Londres para a Sapucaí

O carnavalesco, da União da Ilha, Alex de Souza disse que as fantasias foram as mais luxuosas e vistosas na sapucaí.

União da Ilha na Sapucaí - Carnaval 2012Aproveitando o fato de Londres ser a sede das Olímpiadas que serão realizadas este ano, a União da Ilha levou para a Sapucaí o enredo “De Londres ao Rio: Era uma vez…uma Ilha”. A escola da zona norte fez uma viagem de Londres ao Rio. No entanto, a escola passou sem muita emoção pela Avenida.

A comissão de frente “Deus Salve a Ilha” fez demostrações com um tripé alegórico, que representou um cortejo inglês, que teve a presença da carnavalesca Maria Augusta, representando a Rainha Elizabeth e do gari Renato Sorriso. Eles fizeram uma paródia carnavalesca aos suntuosos cortejos reais ingleses. No entanto, um integrante passou em frente a uma das cabines de jurados e pode prejudicar a pontuação da escola. “A resposta do público e o figurino foi maravilhoso. Meus agradecimentos ao carnavalesco Alex de Souza, que teve o sonho. Eu apenas realizei”, afirmou o coreógrafo da comissão de frente, Sérgio Lobato.

União da Ilha na Sapucaí - Carnaval 2012Logo depois veio a ala Guarda Montada, em que os componentes estavam fantasiados de cavalos da Guarda Real Inglesa, que sambavam em plena Sapucaí e fizeram algumas coreografias. O pede passagem da escola veio com o nome Ilha, protegido por duas guardas inglesas, que sambavam e esbanjavam sensualidade e simpatia, contrastando com jeito sério dos guardas ingleses.

O abre alas Londinium augusta – A britânia romana veio com tons de prata e preto. Já o segundo, Sob a proteção do padroeiro, trouxe uma espécie de jogo de xadrez. A quarta alegoria, O Grande Império, fez uma ilusão à China, quando retratou o momento em que o Império Inglês ficou conhecido como “aquele onde o sol nunca se põe”, pois em qualquer continente se encontrava uma colônia inglesa. Na parte da frente do carro veio um grande dragão chinês.

Já a quinta alegoria fez uma homenagem ao clássico “Alice no país das maravilhas”. As xícaras presentes no carro estavam bem acabados e pareciam de porcelanas. O Suingue de Londres fez uma homenagem aos cantores Freddie Mercury e Amy Winehouse.

O primeiro casal de mestre-sala e porta bandeira, Ronaldinho e Verônica Lima, bailaram sem problemas pelo Sambódromo. Eles representaram A Peleja do Santo Guerreiro, fazendo alusão à lendas britânicas envolvendo São Jorge. Eles foram “protegidos” por cavaleiros templários.

União da Ilha na Sapucaí - Carnaval 2012As fantasias e alegorias estavam bem acabados. A ala Santo Graal, por exemplo, estava com fantasias impecáveis. As baianas desfilaram com a fantasia Extremo Oriente, que estava bastante colorida e que representava o traje da Ópera de Pequim. Até o Chá das cinco foi representado com uma fantasia muito bem acabada. Pelo fato do peso das roupas, algumas pessoas passaram mal e foram levadas ao pronto socorro.

A agremiação levou para o Sambódromo 3.500 componentes, divididos em 33 alas. Entre elas, estavam as que homenagearam o ator Charles Chaplin, os beatles, com uma alusão aos sucesso “Yellow Submarine” e os reis da Inglaterra, que foram representados pela Velha Guarda da escola. O destaque ficou para a ala Folia esportiva, em que os componentes representaram os anéis olímpicos. Já a Football Sport Club é no maraca representou uma partida de futebol e trouxe o rosto de jogoadores consagrados, que fez o público vibrar.

A bateria da Ilha passou pela Avenida vestidos com a fantasia América – Guerreiros Sioux, representando nativos americanos, que foram conhecidos pela bravura e que habitavam a primeira colônia norte-americana inglesa, Virgínia.

A escola fez um desfile calmo e sem atropelos. Não deve sofrer punições no quesito harmonia.