Flu vence o Liverpool por 2 a 0 e garante vantagem para segundo jogo

Foto: Nelson Perez / Fluminense FC
Foto: Nelson Perez / Fluminense FC

Com direito a um lindo mosaico da torcida tricolor, a volta do Time de Guerreiros ao Maracanã foi com vitória e vantagem. O tricolor venceu o Liverpool do Uruguai por 2 a 0 com gols de Henrique Dourado e Richarlison em jogo válido pela Copa Sul-Americana. Agora o jogo de volta é no dia 10 de maio no estádio Centenário, em Montevidéu. Mas antes disso o time enfrenta já no domingo o Botafogo, às 16h, no estádio Nilton Santos pela semifinal da Taça Rio.

O JOGO

Circuito Ilha – Middle

Um susto logo no início do jogo serviu para acender o time do Fluminense na estreia da Copa Sul-Americana. O time logo tomou o comando da partida. Aos 19 minutos Henrique Dourado completa um cruzamento na linha da pequena área e quase abre o placar. Quatro minutos depois uma bela jogada de Wellington Silva, vem o cruzamento para Henrique Dourado escorar de chapa e abrir o placar: 1 a 0.

O gol deixou o time de Abel Braga mais confiante em campo. Aos 31 minutos, o garoto Wendel arriscou de longe e quase acerta o ângulo. Aos 38, Richarlison ensaiava de canhota, assustando o goleiro do Liverpool. Um minuto depois, o jogador aproveitou uma pequena confusão na área para fazer um golaço num meio voleio: 2 a 0 Flu. Antes de acabar o primeiro tempo ainda houve tempo para dois sustos de Orejuela, em um chute de longe e uma cabeçada de Renato Chaves.

Sem grandes destaques, o time uruguaio só teve destaque no primeiro tempo pela dura marcação, que por vezes foi até violenta. E foi só começar o segundo tempo para a vantagem ficar ainda mais tranquila depois da expulsão de Freitas por um chute na cabeça de Henrique.

O Liverpool recuou, se fechou e o Fluminense, mesmo dominando o jogo, teve mais dificuldades para chegar ao gol. Só aos 23 uma chute de Sornoza de longe assustou o adversário. Abel então resolveu partir para cima com Lucas Fernandes e Pedro no lugar de Wellington Silva e Henrique Dourado. Mas a retranca uruguaia prevaleceu. Pedro ainda teve uma chance aos 44 do segundo tempo. Mas o Flu vai ao Uruguai com uma vantagem confortável, sem ter levado gol em casa, para garantir a classificação à próxima fase.

Texto: Comunicação Institucional FFC